Com o intuito de avaliar os serviços prestados e ampliar o diálogo com a Comunidade Acadêmica, a Ouvidoria Geral da UFRJ iniciou, no dia 5 de Janeiro, um procedimento que compõe a “Pesquisa de Visibilidade da Ouvidoria Geral”. A partir dessa data, uma série de e-mails foram enviados a 3.600 pessoas da comunidade interna da UFRJ, selecionadas por localização e categoria e, posteriormente, seleção sistemática proporcional.

Os e-mails contendo um questionário com perguntas referentes à  Ouvidoria Geral tiveram o prazo de envio das respostas prorrogado até o dia 3 de fevereiro, com a finalidade de abranger maior número de pessoas, já que o período de férias interferiu na  participação do corpo social da UFRJ.

“Pretendemos analisar o conhecimento que a comunidade universitária tem da Ouvidoria, se ela conhece suas atribuições, queremos saber como ela tomou conhecimento da existência da Ouvidoria na UFRJ, pretendemos ampliar o diálogo com a comunidade universitária, com o objetivo de aperfeiçoar nossos serviços e, consequentemente, contribuir para que a UFRJ cumpra de forma eficiente e com qualidade sua missão”, afirmou Cristina Riche, ouvidora geral da UFRJ.

A “Pesquisa de Visibilidade” conta com o apoio da professora de Estatística, aposentada do Instituto de Matemática da UFRJ, Tereza Benzenath, que contribui com a coleta e a interpretação dos dados. É válido ressaltar ainda a colaboração da Superintendência de Tecnologia da Informação e do Núcleo de Computação Eletrônica da UFRJ. 
Segundo a professora Tereza Benzenath, até o presente momento foram obtidas 1.432 respostas, sendo 339 servidores docentes e técnicos-administrativos e 1.093 alunos em geral. Resultados parciais foram analisados, no entanto, o resultado final só será obtido após a conclusão do novo prazo para o envio das respostas.

A partir do resultado da pesquisa, prentende-se intensificar a divulgação da Ouvidoria Geral da UFRJ, ampliar a comunicação com os demais setores da Universidade e promover a inclusão da sociedade no assuntos referentes à UFRJ.

“Queremos que as pessoas conheçam e tenham acesso aos serviços da Ouvidoria, para transformarmos, pedagogicamente, a cultura da reclamação na cultura da participação. Buscamos promover o acesso à informação como um direito constitucional, um dever da instituição pública, já que o acesso à informação está ligado à formação da cidadania e da civilidade e envolve três elementos: o direito de ser informado, o direito de informar e o direito de expressar o pensamento”,  ressaltou Cristina Riche.

IMPORTANTE:

O uso, a divulgação ou a reprodução não autorizados do nome, imagem ou logomarca da UFRJ estão sujeitos à adoção de medidas administrativas e/ou judiciais cabíveis. Toda a Comunidade UFRJ deve proteger e evitar a ocorrência de eventuais irregularidades. Em caso de dúvidas, orientações ou denúncia de utilização indevida, entre em contato com a Ouvidoria-Geral da UFRJ cadastrando uma manifestação nesta página ou pelos telefones (21) 3938-1619/1620, das 09h00 às 16h00.

 

banner acessoinformacaoOuvidoria-Geral da UFRJ

Av. Pedro Calmon, nº 550 - Prédio da Reitoria, 2º andar - Ilha da Cidade Universitária

Rio de Janeiro - RJ CEP 21941-901 Caixa Postal 68541 Tel.: (21) 3938-1619/1620

Ajude a reduzir o consumo de papel. Antes de imprimir, reflita sobre o seu compromisso com o MEIO AMBIENTE e com o nosso FUTURO!

UFRJ Ouvidoria-Geral da UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ